Já parou para pensar sobre o peso da avaliação de outros consumidores quando vai realizar suas compras? O quanto é importante pedir a opinião de outras pessoas antes de adquirir um produto ou serviço?

As avaliações ou reviews de clientes fazem parte do nosso comportamento não apenas no cenário digital, e sua capacidade de interferir na conversão é um aspecto que não deve ser ignorado. As empresas que disponibilizam e mensuram a reputação de lojas têm sido fundamentais nesse cenário, permitindo que o cliente não só registre e classifique suas experiências, mas também que ele consulte rankings, acompanhe o histórico de avaliações em períodos maiores e consiga até resolver reclamações e problemas de suas compras com maior facilidade.

Comportamento do consumidor

Assim como na esfera pessoal, em que o consumidor mantém o hábito de questionar as pessoas mais próximas sobre a percepção que elas têm de determinada marca ou produto, a interação e busca de comentários externos também é uma realidade constante quando falamos em compras pela internet. No Brasil, em média 455 mil pessoas pesquisam diariamente a reputação de produtos e empresas antes de realizar uma compra, segundo o portal Reclame Aqui.

E para quem vende, qual o impacto dos reviews?

De acordo com a Bazaar Voice, empresa especializada na gestão de avaliações, produtos com reviews têm uma taxa de conversão 12,5% maior em relação aos que não foram avaliados. Assim, pode-se dizer que a jornada de compra fica ainda mais complexa e desafiadora, quem busca atingir metas de venda precisa ter em mente o poder que a experiência de compra tem ganhado a cada dia.

 

Dicas

– Aproveite as avaliações para enriquecer as informações do item ou serviço que você oferece (descrição, funcionalidades, detalhes e aspectos técnicos);

– Invista em seus canais de atendimento e solucione rapidamente as solicitações e queixas do consumidor. Demonstre o quanto sua empresa está preocupada com o nível de serviço prestado;

– Experiências negativas geralmente são mais marcantes, por isso, é mais assertivo evitar que elas aconteçam do que recuperar a imagem de seu negócio depois que ela estiver prejudicada;

– Seja transparente. Ocultar avaliações negativas não tornam a reputação melhor. Pelo contrário, o contraponto entre avaliações boas e ruins é que darão credibilidade aos clientes que consultam as opiniões de outras pessoas antes de decidir pela compra.

Posts Recentes

Fique por Dentro
13 de agosto de 2018

Quick Tip #11: As melhores dicas para montar sua Lista de Casamento

Já falamos no canal sobre as redes sociais da Lista de Casamento e os conteúdos que você encontra por lá. Agora, nosso time traz as melhores dicas para montar sua...
Fique por Dentro
9 de agosto de 2018

Quick Tip #10: Preciso comprar um produto para contratar um serviço? Como funciona?

Agora que você já conhece quais serviços podem ser adquiridos em nossos sites, a gente te explica como é fácil fazer a contratação de um deles! Dá play na Quick...
Dicas & Insights
19 de julho de 2018

Os marketplaces na era da experiência do cliente: Desafios e oportunidades

Presente no Brasil já há alguns anos, o conceito de Marketplace tem se consolidado dia após dia, e está inserido não apenas no varejo tradicional, com os grandes players de...

Participe da discussão 2 Comentários